Dr. Hermógenes Renuzza alerta para o impacto do diabetes em problemas oculares

Dia 14 de novembro é comemorado o Dia Mundial de Combate ao Diabetes, doença que causa problemas na circulação sanguínea de muitas pessoas, que tem desdobramentos também na visão. Hoje, no Brasil, há mais de 13 milhões de pessoas vivendo com diabetes, o que representa 6,9% da população. E esse número está crescendo. Em alguns casos, o diagnóstico demora, favorecendo o aparecimento de complicações.

O diabetes é uma doença complexa e progressiva que afeta os vasos sanguíneos do olho. Um material anormal é depositado nas paredes dos vasos sanguíneos da retina, que é a região conhecida como "fundo de olho", causando estreitamento e às vezes bloqueio do vaso sanguíneo, além de enfraquecimento da sua parede, o que ocasiona deformidades conhecidas como microaneurismas. Esses microaneurismas frequentemente rompem ou extravasam sangue causando hemorragia e infiltração de gordura na retina. Existem duas formas de retinopatia diabética: exsudativa e proliferativa. Em ambos os casos, a retinopatia pode levar a uma perda parcial ou total da visão.

O controle cuidadoso do diabetes com uma dieta adequada, uso de pílulas hipoglicemiantes, insulina ou com uma combinação desses tratamentos, prescritos pelo médico endocrinologista, são a principal forma de evitar a retinopatia diabética. A fotocoagulação por raio laser é um dos procedimentos que podem evitar estes efeitos da diabetes, na qual pequenas áreas da retina doente são cauterizadas com a luz de um raio-laser na tentativa de prevenir o processo de hemorragia. O ideal é que esse tratamento seja administrado no início da doença, possibilitando melhores resultados, por isso é extremamente importante a consulta periódica ao oftalmologista.

Em Pomerode, o Hospital de Olhos está na Rua Frederico Weege, 150, ao lado da Polícia Militar. Você pode esclarecer suas dúvidas, ou agendar uma consulta no telefone (47) 3322-5000 ou pelo WhatsApp (47) 99222-7800. O responsável técnico do Hospital de Olhos Unidade Pomerode é o Dr. José Roberto Maranhão Castro (CRM-SC 7460 – RQE 4091).

Ouça abaixo a íntegra da entrevista.

Data: 20/11/2020
2017 - Todos os Direitos Reservados à Rádio Pomerode.
Site desenvolvido por:
Alho-poró e DM System